Como foram criados os mapas da série Controlados? (Controlados)

De Wiki Petercast
Ir para navegação Ir para pesquisar

A série Controlados conta com dois tipos de mapas. O primeiro, disponível para todos nos livros impressos, são os "artísticos", criados para funcionarem bem em preto e branco e serem uma representação de Heelum similar a um mapa desenhado à mão. O segundo, disponível apenas aqui no Neborum Online, são os mapas com proporções reais, que são os usados pelo escritor para o planejamento da série (por exemplo, qual a distância precisa entre as cidades, para que se faça o cálculo da movimentação de tropas, mensageiros, etc).

Mapas de real proporção

O mapa geral de Heelum foi uma adaptação de um mapa gerado aleatoriamente pelo jogo Civilization III, para garantir que os posicionamentos relacionais entre tipos de terreno, rios, mares, lagos, montanhas e morros fizesse algum sentido geográfico. O mapa foi então transformado em um correlato gráfico rudimentar, e então seus vários atributos (rios, montanhas, mares, regiões) receberam nomes.

Mapas artísticos

Os mapas foram desenhados pelo próprio autor. No início, tentou-se a confecção de um mapa do tamanho de uma unidade comum de cartolina, correspondente ao mapa de real proporção. O autor, contudo, como pode-se perceber pelos rascunhos de desenhos de personagens, está longe de ter desenvolvido boas habilidades como desenhista, e a tarefa logo demonstrou exigir muito mais do que o autor estava disposto a investir. Além disso, como o grande mapa seria operacionalizado em algo menor, visível a partir de uma página de livro (A5)? Uma outra abordagem era necessária - e não poderia envolver simplesmente diminuir a escala do mapa, pois a qualidade do desenhista ainda era um problema.

Parte da tentativa de criar um grande mapa, à mão.
Parte da tentativa de criar um grande mapa, à mão.
Mesmo abandonando a ideia de um mapa grande, tentou-se um mapa inteiro, à mão, em menor escala.

A solução foi criar o mapa digitalmente, a partir de vários pedaços. Tudo foi desenhado em partes: do contorno do continente até as casas que representavam os agrupamentos urbanos (as jirs), as árvores individuais, torres, cais; até os nomes das cidades. Depois cada desenho foi digitalizado e montado no programa Gimp.

Casas, torre, cais; uma tentativa de casa que deu errado.
Os vários modelos de árvore que, colados em repetição no mapa artístico, formam florestas mais ou menos densas.
Estradas, que também foram desenhadas à mão para se encaixar no mapa; nomes de cidades, alguns cais (para representar portos), e os arcos brancos.
Entre outras coisas, pontos cardeais e os olhos de Nauimior (apenas um foi desenhado; ele foi invertido para formar o outro).